void void
 Homepage
void
void
void
void
 

O GEOTA

Centro Ecológico Educativo do Paul Tornada

Comunicados

Grupos temáticos

Projectos

Associados

PROTOCOLOS

Histórico

Voluntariado
ipdj
   HomePage  Projectos Prevent Crowding
Prevent Crowding
Projeto ligado ao Turismo Sustentável

data
: 31-01-2020

Veja mais informações aqui.

PREVENT CROWDING


O projeto PREVENT CROWDING, para cuja génese o GEOTA contribuiu ativamente, tem como objetivo mitigar os problemas sentidos e revelados pelas comunidades de determinadas zonas da cidade de Lisboa com maior acumulação turística, como o stress associado à falta de privacidade e overload, falta de segurança e higiene urbana, inflação e outras consequências. A solução proposta irá promover o desenvolvimento sustentável na área do turismo nas supracitadas zonas.


A avaliação do fenómeno de crowding nos pontos em que a capacidade de carga está mais ameaçada é efetuada com recurso à deteção de atividade radioelétrica (Bluetooth, WiFi, 3G, 4G) dos dispositivos móveis usados pelos visitantes, em combinação com dados sobre a pernoita nas unidades hoteleiras e de alojamento local nos sítios visados. A dispersão de visitantes de zonas com fraca capacidade de carga e cuja presença turística é vista como mais ameaçadora, para outras cuja capacidade de carga é maior, é realizada através de uma aplicação móvel onde são apresentados em tempo real, a turistas e agentes de turismo, recomendações de roteiros inteligentes. O algoritmo de recomendação levará em linha de conta a classificação dos pontos de interesse da zona alvo a realizar no âmbito do projeto SUSTENTURIS, com base nos indicadores de sustentabilidade aí propostos. Por outras palavras, serão sugeridos itinerários alternativos menos congestionados e que simultaneamente maximizem a passagem por pontos de interesse das comunidades locais, tendo como critérios a autenticidade e a sustentabilidade.


Para além das recomendações em tempo real, o projeto PREVENT CROWDING irá permitir que as autoridades locais, através de heat-maps dinâmicos, possam estudar a evolução no espaço e no tempo do fenómeno de concentração da presença turística. Esta informação poderá ser um importante instrumento de planeamento e de monitorização para os responsáveis pela limpeza urbana, segurança e proteção civil.
O Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) é o promotor responsável deste projeto através de duas das suas unidades de investigação: ISTAR-IUL (Information Sciences and Technologies and Architecture Research Center) e IT-IUL (Instituto de Telecomunicações branch at ISCTE-IUL).


O GEOTA é co-promotor deste projeto juntamente com a JFSMM (Junta de Freguesia de Santa Maria Maior), a APPA (Associação do Património e da População de Alfama), o ISPA (Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida) a APECATE (Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos) e a CML Câmara Municipal de Lisboa)


No âmbito deste projeto o GEOTA colaborou sobretudo na elaboração da candidatura à Linha de Sustentabilidade do programa Valorizar do TURISMO DE PORTUGAL e no estudo da perceção e das consequências do crowding dos residentes e trabalhadores nos bairros (com e sem alcance direto de vantagens da atividade turística), associações dos agentes do turismo, do património e do ambiente.
O GEOTA colaborou na elaboração de dois artigos científicos, já submetidos e com aceitação preliminar a uma revista da Elsevier de quartil 1” no Special Issue on Tourism Innovation do Journal of Hospitality and Tourism Management. Os títulos dos artigos são: “Managing Overcrowding to Improve Tourism Sustainability: a Digital Transformation Approach” e “Monitoring Tourism Overcrowding in Real Time”.

 
Sustenturis
UnderWater Watch
     
desenvolvido com
Senso Comum lda
O GEOTA é uma associação de defesa do ambiente, de âmbito nacional e sem fins lucrativos, em actividade desde 1981