void void
 Homepage
void
void
void
void
 

O GEOTA

Centro Ecológico Educativo do Paul Tornada

Comunicados

Grupos temáticos

Projectos

Associados

PROTOCOLOS

Histórico

Voluntariado
ipdj
   HomePage  Comunicados
Portugal e Islândia em debate sobre Participação e Território em Lisboa
void
COMUNICADO DE IMPRENSA

O debate sobre Democracia Participativa e Território na Faculdade de Arquitectura de Lisboa, no dia 9 de Julho, juntará o islandês Gunnar Grímsson a Helena Roseta, Paula Marques e outros.

data
: 01-07-2016

O debate sobre Democracia Participativa e Território na Faculdade de Arquitectura de Lisboa, no dia 9 de Julho, que juntará Gunnar Grímsson a Helena Roseta, entre outros, será um dos momentos mais mediáticos de uma iniciativa de cooperação conjunta entre organizações não governamentais (ONG) de Portugal e Islândia.

--

Unidos pelos temas em comum da crise económica, participação e território, 2 ONG portuguesas, uma ambiental e a outra de desenvolvimento local, juntaram-se a uma ONG islandesa dedicada exclusivamente à participação cívica organizada, com o objectivo de promover o debate e reflexão sobre as suas áreas de trabalho e com o apoio do Programa Cidadania Ativa da Gulbenkian.


Estas organizações – GEOTA (Grupo de Estudos do Ordenamento do Território e Ambiente), Locals Approach e Citizens Foundation -, defendem que não só é possível, como é cada vez mais evidente, a necessidade de resolver os problemas urbanos a montante, com soluções mais informadas sobre as prioridades dos cidadãos para as suas cidades e com uma participação mais organizada.


A urgência deste envolvimento é por demais evidente nos inúmeros movimentos de cidadania que se têm formado recentemente como o Fórum Cidadania Lx, o Lx Amanhã, a associação Vamos Salvar o Jamor, ou o grupo de cidadãos que reuniu cerca de 500 pessoas na Trienal de Arquitectura de Lisboa no ínicio de Junho para debater o problema da habitação em Lisboa, entre muitos outros.


Procurando dar o seu contributo para a mudança que crêem necessária, as 3 ONG puseram mãos à obra e desenvolveram a iniciativa conjunta “Urban Potential Initiative – um diagnóstico participado na Ajuda, Lisboa” que recorre a uma plataforma Open Source da organização islandesa, de utilização gratuita, e que está a ser utilizada pelas associações portuguesas na freguesia da Ajuda com o objetivo de reunir e discutir ideias que possam potenciar as qualidades desse território.


Este foi o mote para 1ª reunião de networking que aconteceu no início desta semana na Faculdade de Arquitectura, ligando Portugal e Islândia, é o mote para a campanha que está a decorrer de “Diagnóstico Participado D’Ajuda” e será o tema de debate nos próximos eventos preparados pela iniciativa que juntará académicos, técnicos, políticos e organizações da sociedade civil:


9 de Julho - Conferência + Workshop* na Faculdade de Arquitectura de Lisboa com:


apresentações de Paula Marques, vereadora da habitação e desenvolvimento local da CM de Lisboa, Gonçalo Folgado e João Martins da Locals, Irina Gomes do GEOTA e Gunnar Grímsson, da Citizens Foundation;


mesa de discussão com Helena Roseta, deputada na Assembleia da República, Roberto Falanga do Instituto de Ciências Sociais e Sandra Alves, moradora da Ajuda


e

debate iniciado por Álvaro Cidrais da Cooperativa Rumo e Maria João Freitas do Laboratório Nacional de Engenharia Civil.


11 de Julho - Sessão de Networking entre ONGs no Pátio do Seabra (APPACDM)


12 de Julho – Conversa e debate na associação Rés-do-Chão


*A participação na Conferência + Workshop é gratuita mas sujeita a inscrição aqui e o Programa está disponível aqui.

 

Comunicado de Imprensa aqui e Mais informações em:

​potencialurbano.pt ou facebook.com/urbanpotentialinitiative


Lisboa, 1 de Julho de 2016

Com o apoio:

/

--

Descrição mais detalhada sobre a Iniciativa "UPI - Urban Potential Initiave"

Mais informações sobre o Grupo do Ordenamento do Território e Mobilidade do GEOTA

 
Documentos relacionados
- UPI_Programa_9Julho
- PR_Portugal_Islandia_em_Debate_1 de Julho de 2016
Sustenturis
UnderWater Watch
     
desenvolvido com
Senso Comum lda
O GEOTA é uma associação de defesa do ambiente, de âmbito nacional e sem fins lucrativos, em actividade desde 1981